sábado, 15 de julho de 2017

DICA DE PORTUGUÊS SOBRE "SENÃO" E "SE NÃO"

As duas hipóteses - senão ou se não - existem na língua portuguesa e estão corretas. Seus significados são diferentes e podemos diferenciar situações em que devemos utilizar uma ou outra. 
A sequência se não é usada com significado de caso não. A palavra senão é usada com significado de a não ser ou caso contrário, podendo indicar uma exceção, uma consequência negativa ou um problema. 

Quando usar senão?

Senão é uma palavra complexa, abrangendo uma pluralidade de classes gramaticais e significados. É formada por meio da seguinte junção: se + não.
Há de se escrever uma só palavra, quando significar do contrário, mas, a não ser, mas também. Exs.:
a) "Senhor advogado, não insista em perguntas tendenciosas, senão elas serão indeferidas" (do contrário);
b) "A advertência do magistrado não teve por escopo cercear a defesa, senão dar cumprimento às regras de processo em vigor" (mas);
c) "Ninguém havia, senão três das testemunhas arroladas" (a não ser);
d) "Era um magistrado não apenas culto, senão (ou senão também) justo" (mas também).
Sendo um substantivo masculino se refere a uma falha, problema, imperfeição, defeito ou mácula.
  • Aquela minha amiga tem apenas um senão, é muito fofoqueira.
  • Não houve qualquer senão na festa. Foi perfeita!

Quando usar se não?

Se não é uma sequência utilizada maioritariamente como conjunção condicional ou integrante, sendo sinônima de caso não e quando não. É formada pela conjunção se e pelo advérbio não.
Exemplos com se não:
  • Você fala como se não o conhecesse.
  • Se não conseguir entregar o projeto hoje, não se preocupe.
  • Se não fosse sua ajuda, não conseguiria terminar meus afazeres.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique e confira!

ESTAMOS À DISPOSIÇÃO!